fbpx

7 dicas para iniciar sua oração e rezar melhor

“Permanecei em mim e eu permanecerei em vós. O ramo não pode dar fruto por si mesmo, se não permanecer na videira. Assim também vós: não podeis tampouco dar fruto, se não permanecerdes em mim. Eu sou a videira; vós, os ramos. Quem permanecer em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.” (João 15 4-5)

Para que possamos fazer algo bom dentro e fora de nós, para que possamos produzir frutos abundantes na videira que é Cristo, precisamos entrar na plena comunhão com Ele. A oração não é uma imposição, uma lei que nos obriga e escraviza, mas uma necessidade, uma urgência do coração que, busca ansiosamente um amigo que o possa amar e escutar. Na oração, Deus e o homem se amam reciprocamente, e um fica feliz de se contemplar no outro. Deus se contempla no homem criado à sua imagem e semelhança, e o homem se contempla em Deus, vendo a que é chamado a ser, descobrindo a sua essência.

A busca por esse elo de amor nos faz alcançar o livre vôo, ser livre é uma garantia recebida pela oração. Os que se sentem bem com o “rastejar” e não desejam voar e ultrapassar o azul do céu para estar com o Senhor, nunca será um grande orante. Santa Teresa diz que somos chamados, como a pombinha branca, a alçar vôo para Deus, a entrar, vencendo todos os obstáculos, no castelo interior; e a porta pela qual entramos neste castelo é a oração. Por ela venceremos grandes batalhas, alcançaremos graças inimagináveis, mas também travaremos lutas para conseguir vivê-las.

Então se rezar é tão bom como podemos contribuir com ela? É possível ser fiel a esse caminho? Primeiramente precisamos entender que é uma graça e contamos exclusivamente com ela, mas existem meios que podem ajudar a proporcionar uma qualidade maior a esse momento tão importante. Para alcançar e mergulhar nessa vida de oração é preciso:

Decisão

O amor nos faz livres para escolher estar com Ele, parte de uma liberdade o ato de dialogar. Ele por sua vez é sempre fiel e constante a nos esperar, nós que precisamos corresponder lembrando que a oração é uma necessidade da Alma. É deixar-se olhar e amar por Deus. É pura graça, Ele nos dá e a alma recebe.

Ambiente preparado

Escolher um ambiente silencioso, agradável e arejado. É muito importante deixar o lugar de sua escolha confortável para que nada venha atrapalhar. Pegar tudo o que for necessário, Bíblia, caderno e livro de leitura espiritual, eles são grandes auxiliadores, além de ser um ótimo impulso para colocar diante de Deus os conflitos percebidos na leitura e ali dar prosseguimento à conversa com o Divino Amigo.

Reservar um tempo

Não se trata de uma obrigação, mas no amor na doação de si e na certeza de ser amado e por isso nos colocamos diante Dele para amar aquele que muito me amou e me ama. Ter um tempo destinado ao amigo e reservado é zelar por esse momento, cuidar para que tudo possa vim a deixar esse lugar seguro é tornar ele importante. Tornar disso um hábito diário.

Evitar distrações

A mente por si só já contém muitas distrações, devemos ter o cuidado com o que está ao nosso redor, aparelhos de celular, tablet e tudo que venha a tirar nosso foco e concentração, deve ser posto longe ou até mesmo desligá-lo. Garantindo uma presença livre de tudo que venha a nos roubar.

Doação

Um sair de si mesmo para Deus.

Confiar

Quanto mais confiamos, mais se torna necessária a vida de oração, não consiste em muito pensar basta confiar, em vez de fugir. Nessa confiança saber que Deus nos fala de forma pessoal, única e irrevogável.

A oração é uma atitude de Fé, acreditar nessa relação é primordial.

A fidelidade vem da persistência, atrelado a uma decisão que nos leva a uma ação e doação de si mesmo com confiança e fé. Oração na vida é dar passos concretos com simplicidade e acima de tudo amor.

“Como o Pai me ama, assim também eu vos amo. Perseverai no meu amor.” (João 15 9)

Deixe uma resposta

Iniciar o chat
1
💬 Posso te ajudar?
Olá, tudo bem? 👋
Paz e bem!
Em que posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: