fbpx

5 dicas para o casal viver a castidade no namoro

Mas antes das dicas, devemos entender o que seria a castidade.

O Catecismo da Igreja Católica ensina: “A castidade implica uma aprendizagem do domínio de si, que é uma pedagogia da liberdade humana” (CIC 2339). 

Logo depois, afirma claramente: “A alternativa é clara: ou o homem comanda as suas paixões e alcança a paz, ou se deixa dominar por elas e torna-se infeliz” (CIC 2339), 

A castidade é uma virtude para todos, porque todos têm necessidade de amar de maneira verdadeira. 

Quero deixar um texto de Padre Joãozinho, que de forma resumida explica isso muito bem:

“A castidade não indica apenas algo que NÃO devo fazer, mas exatamente uma virtude que DEVO cultivar nos pensamentos e desejos.

Para ser casto não basta eliminar toda a malícia, pecados sexuais, impurezas, infidelidades, etc. É preciso algo mais.

A castidade é o amor vivido do jeito certo. Ser casto é respeitar a dignidade do corpo, da mente e do coração.

Permite ver o sexo como um dom maravilhoso que o criador nos deixou para que pudéssemos completar a sua obra gerando e cuidado da vida.

Usar este dom apenas em proveito próprio, como na masturbação, entristece o coração e provoca uma profunda frustração.A castidade é a irmã da felicidade.”

Vamos as dicas:

1 – Firme decisão

O casal precisa tomar uma firme decisão de viver a castidade, por exemplo, se apenas a namorada tomar esta decisão, se o namorado vacilar, ela sustenta ele naquele momento não deixando o propósito de lado, mas se caso, a namorada quem vacile, o namorado vai aproveitar daquele momento, então o propósito de viver a castidade cai por terra, por isso é muito importante os dois tomarem uma firme decisão, para que os dois sejam o sustento do outro.

2 – Ocasião faz o Ladrão:

Fujam das ocasiões!

Mas você pode se perguntar, como descobrir quais as ocasiões, e a resposta é simples: DIÁLOGO.

A namorada sabe o que o namorado faz que a deixa excitada, mais animada naquele dia, então ela precisa ser franca e dizer ao namorado, o mesmo ocorre com o namorado, ele sabe o que a namorada faz ou veste, ou usa, que o deixa excitado.

Exemplo: O namorado pode dizer a namorada, que determinada roupa que ela usa, o olhar diferente, uma mordida diferente (convenhamos, sabemos quando a mordida é na brincadeira ou quando ela é provocação) pode deixá-lo excitado, netflix, sofá, debaixo das cobertas.

Podem ser várias situações, e a namorada pode fazer a mesma coisa.

3 – Jejum e Oração:

Oração pois tudo é graça de Deus, sem a força e o sustento dele, nada conseguiremos nesta vida, oração individual e como casal, e isso envolve oração espontânea, o terço.

Jejum, pois ele educa a nossa carne, desejos, paixões, mostramos para o nosso corpo que quem está no comando somos nós, não ele.

Jejum e oração é algo imprescindível para quem quer viver a castidade.

4 – Sacramentos:

Aqui você deve “usar e abusar” dos sacramentos, se confesse sempre e comungue sempre que puder, pois é preciso ser perdoado, ser limpo dos pecados, e ter o próprio Cristo, que é o caminho, a verdade, a vida, o remédio, a cura.

5 – Estude muito sobre o assunto castidade:

E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. João 8:32

Estude bastante sobre o assunto, pois assim conseguirá entender a necessidade, e verá que sem a castidade, ninguém será santo, e somente os santos vão para o Céu contemplar Deus face a face.

Indico o próprio catecismo, a bíblia, e o meu próprio perfil no instagram: @guuiedu, onde falo muito sobre afetividade, sexualidade, incluindo a castidade.

Deixe uma resposta

Iniciar o chat
1
💬 Posso te ajudar?
Olá, tudo bem? 👋
Paz e bem!
Em que posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: